Blog


Gaslighting – Saiba o que é e como combater

Tudo o que você precisa saber sobre essa sutil forma de violência psicológica
Publicado em: 19/03/2021


O que é gaslighting?

Gaslighting é uma forma de exploração emocional que é vista em relacionamentos abusivos.

Se trata do ato de manipular uma pessoa ao forçá-la a questionar seus pensamentos, memórias e os eventos que ocorrem ao redor dela. Uma vítima de gaslighting pode ser forçada até o ponto de questionar a própria sanidade.

O termo “gaslighting” vem de uma peça de teatro – que depois se tornou filme – chamada Gaslight.

No filme, um marido perverso manipula e atormenta sua esposa com o objetivo de convencê-la de que está louca.

O gaslighting, intencional ou não, é uma forma de manipulação. Ele pode acontecer em diversos tipos de relacionamentos: com chefes, amigos e parentes, por exemplo. Mas uma das formas mais devastadoras de gaslighting é aquele que acontece no relacionamento entre um casal.

 

 

Sinais de gaslighting

Segundo a psicanalista Robin Stern, Ph.D., os sinais de que você é uma vítima de Gaslighting incluem:

  • Não mais se sentir como a pessoa que você costumava ser;
  • Se tornar mais ansioso e menos confiante que você costumava ser;
  • Se perguntar frequentemente se você não está sendo sensível demais;
  • Sentir como se você fizesse tudo errado;
  • Sempre pensar que a culpa é sua quando as coisas dão errado;
  • Estar sempre se desculpando;
  • Ter a sensação de que algo está errado, mas não conseguir dizer o quê;
  • Se perguntar frequentemente se a resposta que você está dando ao seu parceiro é adequada (temer estar sendo incompreensivo ou não ser carinhoso o suficiente);
  • Criar desculpas para o comportamento do seu parceiro;
  • Tentar não fornecer informações a sua família e amigos para evitar discussões sobre o seu parceiro;
  • Sentir-se isolado da família e amigos;
  • Achar cada vez mais difícil tomar decisões;
  • Sentir desesperança e sentir pouco ou nenhum prazer nas atividades que você gostava antes.

 

 

Exemplos de gaslighting

Pessoas que praticam gaslighting se tornam especialistas em tirar você do sério. Elas conhecem suas sensibilidades e suas vulnerabilidades e usam esse conhecimento contra você.

Em seguida, elas fazem você duvidar de si mesmo, do seu julgamento, da sua memória e até da sua sanidade. Alguns exemplos disso incluem:

  • Trivializar os seus sentimentos: “Mas é claro, agora você vai ficar sentindo pena de si mesma!”
  • Falar para você que as pessoas estão falando de você pelas suas costas: “Você não sabe? A família toda fala de você. Eles dizem que você está ficando doida.”
  • Dizer coisas para você e depois negar que disseram: “Eu não disse que iria depositar o dinheiro no banco. De onde você tirou isso? Muito obrigado pelo aviso de fundos insuficientes que nós vamos receber.”
  • Esconder objetos de você e negar saber qualquer coisa sobre: “É sério que você não está achando seus óculos de sol de novo? Isso está ficando preocupante.”
  • Insistir que você esteve ou não esteve em certo lugar, mesmo sabendo não ser verdade: “Você está louca. Você nunca foi naquele evento comigo. Eu me lembraria.”

 

 

Gaslighting e o narcisismo

Pessoas que praticam gaslighting com outras pessoas podem sofrer de um transtorno psicológico chamado Transtorno de Personalidade Narcisista (TPN).

Pessoas com TPN acreditam que são extremamente importantes e que o mundo gira ao redor delas.

Elas são extremamente centradas em si mesmas e não têm tempo ou interesse nos outros a menos que isso lhes traga alguma vantagem. Elas não têm empatia e não têm a habilidade, ou o interesse, de entender o que outra pessoa está sentindo ou passando.

Narcisistas anseiam por atenção e elogios, o que pode ser bastante cansativo. Eles têm opiniões grandiosas de si mesmos, suas vidas, seus futuros e frequentemente usam a manipulação como um meio de atingir suas metas pessoais.

Uma pessoa com transtorno de personalidade narcisista pode:

  • Projetar um senso inflado de importância própria;
  • Exagerar suas conquistas;
  • Responder com raiva aos criticismos;
  • Usar outros para ganho pessoal;
  • Esperar consideração ou tratamento especial;
  • Ser muito crítica de outras pessoas;
  • Sentir inveja e ciúmes com facilidade.

 

 

Procurando ajuda

Reconhecer que você é vítima em um relacionamento é o importante primeiro passo no sentido de conseguir ajuda.

O próximo passo inclui consultar-se com um psicólogo ou psiquiatra. Ele irá ajudá-lo a filtrar suas dúvidas e medos e a entender a realidade daquilo que você sente.

Você aprenderá a lidar com suas dúvidas e ansiedade, além de desenvolver ferramentas para lidar com as situações desagradáveis.

 

Artigo traduzido e adaptado pela PsyMeet. Artigo original: How to Recognize Gaslighting and Get Help



Por: João Vitor dos Santos

Estudante de Engenharia Mecânica, através da convivência na universidade se conscientizou da importância do bem-estar mental. Para promover e acessibilizar os cuidados com a mente, cofundou a PsyMeet. Convencido da importância da saúde mental para uma vida feliz, está sempre lendo, assistindo e ouvindo sobre o tema. Instagram @dosantosjv

Voltar Blog

Faça sua terapia online


Começar agora

Categorias - Blog

Ansiedade(3)
Autoestima(1)
Câncer(2)
Coronavírus(2)
Depressão(1)
Empreendedorismo e Saúde Mental(1)
Gratidão(1)
HIV(1)
Luto(1)
Mindfulness(1)
Música(1)
Neuropsicologia(1)
PsyMeet(1)
Relacionamentos(1)
Saúde Mental(4)
Saúde Mental Masculina(1)
Setembro Amarelo(1)
Solidão(1)
Suicídio(2)
TDAH(3)


Ver Todos